Ano Novo: decoração prata com dicas fáceis e econômicas para comemorar em família e receber os amigos

Minha mãe e eu tivemos pouco mais de dois dias para organizar tudo. Havia passado o Natal na casa dos sogros em Maringá e cheguei a Londrina três dias antes da véspera de Ano Novo.

Eu estava com a cor prata na cabeça (embora minha mãe preferisse o dourado. Mas acho que o dourado tem mais a ver com o Natal.) O pânico, porém, começou quando me dei conta de que na casa dela não havia n-a-d-a prateado. Nem fitas, laços, bolas, nadica. Nem sequer louças em prata.

Como não abri mão da cor quebramos a cabeça para resolver a seguinte questão: como fazer uma decoração na cor prata que ficasse elegante, afetiva e, ainda por cima, sem gastar muito. (Afinal, ia ser bem difícil a gente encaixar uma decoração nesse tom em qualquer outro evento nosso!)

Fuçamos na internet atrás de dicas legais e com as ideias criativas das duas Matracas resumimos nossa compra de decoração em: bolas pratas em vários tamanhos, uma fita prata aramada, uma fita de cetim cinza prateado, duas velas prateadas compridas (as velinhas pequenas nós tínhamos), dois sprays na cor “alumínio”, velas com os números 2.0.1.3., caixinhas de papel para lembrancinha e wrappers, aqueles rótulos de cupcakes! (Aqui, investimos uns R$ 100).

A ideia era montar uma mesa decorada com finger food e petiscos. Escolhemos as louças que íamos usar (na decoração, não para comer!), e incluímos taças, pratos de bolo com suporte e recipientes de finger food que eu havia levado… na mala!

Eu queria pendurar bolas em tamanhos e texturas diferentes no teto, atrás da mesa. Só que na parede onde a mesa ficaria encostada tem uma porta de vidro enorme que dá visão para a sala, o que prejudicaria o “fundo” da nossa mesa decorada. Então, minha mãe mais do que depressa providenciou um varão, não sei quantos metros de voil que ela já tinha em casa e improvisou uma cortina. Rá!

Itens de decoração que ajudaram a compor a mesa:

1. Taças cheias de bolinhas pequenas e um ramo de galho seco pintado com spray na cor alumínio. Nos galhos também penduramos algumas bolinhas. (Veja algumas ideias para trabalhar com galhos secos nos blogs Isso Me Faz Feliz e Casos e Coisas da Bonfa.) Em vasos de vidros minha mãe preparou uma base de sal grosso com pedras brancas (do jardim dela) para fazer nossa “árvore dos desejos”. Acomodou um galho seco e colamos votos de amor, saúde, paz, prosperidade, dinheiro… (sei que a ideia de galhos secos com votos pendurados é meio manjada, mas não resisti!) :mrgreen:

2. Imprimi o cardápio em papel sulfite A4 e coloquei num porta-retrato antigo que havia na casa da minha mãe. Deixei-o sobre a mesa principal.

3. Acomodei o tampo de uma bombonière sobre um prato de cristal. Dentro do tampo colocamos bolinhas pratas e ao redor pedras brancas.

4. O peso para guardanapos foram conchas que minha mãe pintou com o spray e colocou uma velinha dentro. ( Dica do Ideias Giras, fanpage superbacana cheia de fotos que inspiram quem gosta de decoração e comidinhas!).

5. Num aparador menor, colocamos as lembrancinhas e um prato provençal com frutas cristalizadas. (Dentro das caixinhas de lembrancinhas havia chocolatinhos e uma frase que a gente lia depois da meia-noite, uma espécie de biscoite da sorte de araque – até porque quem selecionou e imprimiu as frases fui eu. Rá rá.)

6. Neste mesmo aparador, minha mãe montou três vasinhos (ela também havia visto algo parecido no Ideias Giras) e adaptou: um com pedrinhas e uma flor, outro somente com folhagem verde e outro com macarrão (macarrão!) pintado com o spray prata! Muito fofo!

7. Um bolo falso de três andares (ensinei o passo a passo aqui) deixou a mesa mais imponente!

O cardápio ficou assim:

Drink de boas-vindas

Coquetel de frutas vermelhas  (1 garrafa de frisante, meio litro de Sprite, 250 ml de néctar de suco de uva e gelo. Misture tudo e acrescente framboesa, mirtilo e morango em pedaços). Fica bem fraquinho, é só para abrir os trabalhos! :)

Entradinhas e Finger Food

Mix de Castanhas (castanha-do-pará, castanha de caju, amêndoas, nozes, avelã, amendoim e pistache)

Mousse de Atum (receita mais abaixo)

Espetinho Gourmet (receita aqui, mas neste que fiz no ano novo eu substituí o queijo muzzarela por queijo coalho frito)

Stick de Queijo Coalho com Banana da Terra Caramelizada (os palitinhos de bambu com nó na ponta eu compro no bairro Liberdade, em São Paulo)

Dips de gorgonzola, Mostarda e Queijo Fundido (acompanhados de torradinhas integrais)

Verrine de Salada Tropical (receita aqui, mas nesta do ano novo minha mãe colocou camarão para finalizar – o que não tem na minha receita original)

Ceia

Tender du Chef

Bacalhau com Batatas ao Murro

Foto surrupiada do meu Instagram: @matraqueando

Leitoa Assada

Lentilha da Sorte

Salada de Batata Schwaebisch (pegamos a receita aqui)

Arroz Branco

Sobremesa

Verrine de Cheesecake com Goiabada (receita aqui)

Cupcakes de Chocolate Molhado (usei o bolo pronto Duo Paixão da Oetker)

Frutas Cristalizadas

Pode até parecer muita comida. Mas éramos somente em 13 pessoas (das quais cinco eram crianças!). Então apostamos numa ceia clássica (minha mãe fez a leitoa, o bacalhau, a lentilha, a salada de batata e as verrines) e diversificamos nas entradinhas, mas tudo em pequena quantidade. A leitoa, o bacalhau, a lentilha, a mousse de atum e o cheesecake foram preparados um dia antes. (Aliás, este cheesecake ficou divino!) Meu irmão levou o Tender. No dia, só montamos as saladas, fizemos o arroz e nos concentramos nos finalmentes da decoração.

Foto surrupiada do meu Instagram: @matraqueando

Sem contar que ainda tinha que comer 12 uvas nas badaladas notúrnicas. E até nisso a gente colocou firula. As uvas foram lavadas e colocadas soltas dentro de taças do tipo bico de jaca envoltas em papel de bandeja rendado. Vi a ideia neste post do blog Casa, Papel e Tesoura.

Um detalhe muito, muito foto que acabou não entrando no cardápio “oficial” foi a Salada de Tulipas preparada pela minha mãe (outra dica do Ideias Giras). É só cortar um tomate (pequeno, tipo cereja) em quatro partes, tirar o miolo e no lugar colocar uma bolinha de queijo de cabra ou queijo cottage. Mas minha mãe improvisou o “miolo” com um ovo de codorna e os caules foram feitos com ramos de cebolinha. Foi a comidinha hit entre a criançada!

Já para mim, a novidade em termos de comidinhas foi a entradinha de Mousse de Atum, uma receita deliciosa que eu provei pela primeira vez na casa da tia Vilma, em Curitiba. Ela me passou os ingredientes e eu dei uma adaptada (na receita original, por exemplo, vai ervilha, já na minha, não!)

MOUSSE DE ATUM

Ingredientes

2 latas de atum ralado

1 lata de creme de leite (não usar o soro)

½ vidro de 250 gde maionese

½ vidro de 250 gde palmito picado

200 g de azeitona bem picadinha

1 pacote de gelatina sem sabor

Modo de Preparo

Misture o atum (sem o óleo) com o creme de leite (sem o soro), a maionese, o palmito, a azeitona até formar um creme homogêneo. Prepare a gelatina sem sabor conforme a embalagem, deixe amornar bem e acrescente ao creme. Daí é só colocar em uma forma com um buraco no meio (prefira as de silicone, fica mais fácil na hora de desenformar) ou coloque em recipientes individuais (como fiz no ano novo). Leva à geladeira por, no mínimo, quatro horas.

Dica da Matraca: trabalhe com os ingredientes em temperatura ambiente. Se o creme estiver gelado e você acrescentar a gelatina morna, pó exemplo, ela vai endurecer e ficar em pedaços dentro da mousse. Daí, só o liquidificador salva. (Aliás, você pode bater tudo no liquidificador, mas acaba virando uma pasta. Eu prefiro com a crocância dos pedacinhos de azeitona, palmito…)

Se eu te falar que foi fácil, tô mentindo. Mesmo deixando muita coisa preparada um dia antes, a gente acabou naquela deliciosa correria do fui-eu-que-fiz. Mas ficou tudo como imaginamos. Sem por nem tirar. Era o que tínhamos!

No day after, cansadíssima, eu reclamando para minha mãe que a gente deveria inventar menos moda, que nossos eventos familiares dão muito trabalho… ela arremetou: “Mas minha filha, a felicidade dá trabalho!” Então a gente começou a pensar na próxima festa…

Fotos: Raul Mattar

7 jan2013

A felicidade dá trabalho… Adorei a frase!!! Muito sábia a sua mae :-)
Beijos, e Feliz Ano Novo a todos da família Matraqueando :-D

[Responder]

Silvia Oliveira Reply:

Brigadim, para você e sua família também, Angie! :)

[Responder]

7 jan2013
Denise

Fico maravilhada com sua criatividade. Que Deus abençoe sua familia.

[Responder]

Silvia Oliveira Reply:

Obrigadão, Denise! Apareça sempre!

[Responder]

7 jan2013

Um ano iniciado com uma festa linda dessas, feita com tanta dedicação só poderá ser maravilhoso. Parabéns!

[Responder]

Silvia Oliveira Reply:

É o que a gente espera, Flora! Feliz 2013!

[Responder]

21 jan2013
Lilian Jasmin Passos

Todo o site é lindo e cheio de idéias! Você está de parabéns!!! Amei!!!!

[Responder]

Silvia Oliveira Reply:

Obrigada, Lilian! Apareça sempre!

[Responder]

25 jan2013
Amelia

Adorei suas ideias. Parabéns pelo blog.

[Responder]

Silvia Oliveira Reply:

Obrigada, Amélia! Bjs

[Responder]

19 mar2013
Flávia Ribeiro

Silvia,

não sei se os seus cometários são moderados e vc consegue ver todos mesmo em posts antigos, como não pareceu nada ao enviar e não tive como copiar pra colocar aqui então vou colocar o link pra vc poder ver minha pergunta http://silviaoliveira.com.br/preparativos-da-festa-de-65-anos-da-dona-helena-cores-marrom-bege-e-caramelo/#comment-7421
Virei mto fã dos seus blogs, vc escreve mto bem!
Bjooo e te aguardo.

[Responder]

Silvia Oliveira Reply:

Oi, Flavia!
Eu vejo os comentários anteriores, sim! Ah, desculpe demorara em responder, quase não dou conta! ;)
Eu comprei dos dois tamanhos, mas prefiro o pequeno para fazer os docinhos. Além de mais delicado, vai “menos” doce dentro, o que não encarece tanto na hora de fazer as guloseimas! Este pão de mel eu compro pronto, daquele simples, durinho, tipo bolacha. Mas já fiz um com pão de mel de “verdade” que eu comprei pronto numa padaria. Eu mesma nunca fiz pão de mel, não! Bjs!

[Responder]

27 abr2013
Ale

Olá,

adoramos seu blog.
Temos um caderno de dicas em nosos tabloide, com dicas diversas de decoração e afins..

Gostaria de autorização para publicação de fotos, daremos todos os creditos;

Aguardo o retorno o mais breve possivel

Att

Ale Silva
11 4108-1691

[Responder]

Silvia Oliveira Reply:

Olá, Ale!

Infelizmente não liberamos nossas fotos para publicações comerciais, salvo quando for feita uma matéria sobre o blog e sirva para ilustrar a mesma. Se deseja comprar nossos textos e imagens, por favor, entre em contato! Abs!

[Responder]

23 mai2013
Giselli

Amei suas dicas , eu que amo receber amigos e nunca deixo passar em branco o aniversário das meninas adorei as idéias , vc está de parabéns !!!bjs

[Responder]

Silvia Oliveira Reply:

Valeu, Giselli! Obrigadão! :)

[Responder]

12 set2013
Jeane

Nossa estou de boca aberta, cada coisa lindaaaaa, parabénssss

[Responder]

24 set2013
Candelária

Silvia querida adorei seu site. Adorei o final…inventamos muita moda…..com certeza também ficamos cansadíssimas. Eu minha mãe e minhas irmãs também ficamos…..beijos

[Responder]

30 out2013
kelly soares

Nossa! Muito bom gosto! Amei tudo, até o cardápio…Parabéns!

[Responder]

20 dez2013
Elaine

Parei aqui sem querer… estava fuçando a net em busca do que fazer porque também adoro inventar moda! Amei conhecer essa página… muito obrigada. Vocês são lindas, família linda e abençoada…

[Responder]

Silvia Oliveira Reply:

Valeu, Elaine! Volte sempre!

[Responder]

26 dez2013
Jeissy

Que boas ideias me deram para a festa de família do ano novo 2014

[Responder]

26 dez2013
Sarah

As dicas são perfeitas! Adorei tudinho, parabéns!

[Responder]

19 jan2014
Regina Celia Oliveira de Azevedo

Sua festa são lindas

[Responder]

8 mar2014
MÔNICA

OLÁ SILVIA,
SEU BLOG É MARAVILHOSO E DE MUITO BOM GOSTO.
GOSTARIA DE SABER AONDE VOCÊ ENCONTROU AS CAIXINHAS PRATEADAS PARA CUPCAKES, SÃO EXATAMENTE AS QUE ESTOU PRECISANDO.
AGRADEÇO SE PUDER ME ENVIAR O ENDEREÇO PARA COMPRÁ-LAS.
OBRIGADA E UM ABRAÇO.
MÔNICA

[Responder]

Silvia Oliveira Reply:

Oi, Mônica! Comprei em Londrina, na loja Tricolândia! Abs!

[Responder]

23 jun2014

Chorei, com o último parágrafo! Vcs 3 juntas e um pequeno diálogo com tanta profundidade.. vou guardar pra sempre: Minha filha a felicidade dá trabalho!,,,rs Adorei, bjss e obg por compartilhar,,

[Responder]

Silvia Oliveira Reply:

Obrigada, querida! ;)

[Responder]

26 out2015
Raquel

Boa tarde.
Fiquei muito interessada na decoração que você fala da festa de ano novo, mas as imagens não estão aparecendo. Tem como você me mandar por email?

Obrigada!

[Responder]

Pingbacks & Trackbacks & Tweetbacks

Passo a passo: como fazer topper personalizado | Sílvia Oliveira | Ideias da Matraca | Festas e Receber bem

[...] Neste post você vai aprender a montar seu topper personalizado usando técnicas de scrapbook. Caso não tenha os furadores você pode usar a tesoura para recortar. Vai dar mais trabalho, mas fica bom também. Eu fiz estas fotos no ano passado quando estávamos montando nossa festa de Ano Novo (veja como foi aqui). [...]

Comente!