Planejamento

Check list Festa Infantil: roteiro para seu evento sair nos trinques

Há pouco tempo fui a uma festa infantil na casa de uma amiga e só quando os convidados estavam chegando é que ela se deu conta de que não havia um aparelho de som para colocar o playlist da criançada.

Um cunhado improvisou o som do carro e deixou o porta-mala aberto com os alto-falantes voltados para o quintal, onde iria acontecer o aniversário. No final, deu tudo certo. Mas até o ziquizira ser resolvida a anfitriã passou por um pequeno stress justamente no dia em que ela deveria estar supercalma para receber bem seus queridos.

Não existe milagre. Organizar uma festa exige tempo e dedicação. Umas mais outras menos, concordo. Mas independente do tamanho do seu evento, deixar tudo para a última hora ou fugir do planejamento (como não fazer o check list) pode causar transtornos e surpresas desagradáveis.

Para que você não tenha essas surpresinhas ou deixe de encomendar ou fazer algo essencial para a festinha do seu filho, sobrinho ou afilhado, aqui vai um check list completinho que poderá ser adaptado ao que você pretende elaborar no evento.

Festa Princesas Chocolate Decorado

Instagram Matraqueando Silvia Oliveira

DOIS MESES ANTES

1. Escolha o tema, a data e a hora da festa.

2. Decida onde vai ser a festa (buffet, em casa, salão do condomínio ou chácara) e faça a reserva do lugar, se necessário.

3. Encomende convites e lembrancinhas. Caso seja você mesmo a fazer ambos, compre o material necessário para começar a confecção com tempo. (Como sou eu que geralmente faço esses itens já começo a pesquisar com mais de três meses de antecedência, porque eu tenho pouco tempo disponível para montar tudo).

4. Elabore a lista de convidados. O número de pessoas vai determinar outros itens do check list como a quantidade de comida e bebida a ser feita e/ou comprada.

SEIS SEMANAS ANTES

5. Envie o Save the Date (Guarde Esta Data) por e-mail aos convidados. A ideia é avisar com certa antecedência quando será a festa. Assim, mesmo antes de receber o convite oficial, as pessoas já podem reservar o dia do evento na agenda.

6. Compre (ou faça) a decoração da festa (balões, pratinhos, descartáveis, etc). Não se esquece da vela! Se você contratou um buffet, pule esta parte.

7. Contrate garçom/garçonete (se necessário) ou combine com alguém da família para ajudar no grande dia.

8. Contrate o fotógrafo (caso queira um profissional registrando a festa).

UM MÊS ANTES

9. Contrate a animação/brinquedos da festa (pula-pula, piscina de bolinha, palhaço, escultura de balão – ou o que achar conveniente)

10. Encomende docinhos, salgados e o bolo.

11. Enviar os convites.

20 DIAS ANTES

 12. Se você optar por decorar com flores naturais encomende os arranjos na sua floricultura de preferência.

13. Verifique se será necessário alugar mesas ou cadeiras, caso a festa aconteça na sua casa.

DUAS SEMANAS ANTES

14. Ligue confirmando todos os serviços contratados, principalmente os de comida, animação e ajudantes.

15. Caso o seu convite não tenha o RSVP, peça confirmação dos convidados por e-mail ou mande uma mensagenzinha via Inbox no Facebook perguntando se a pessoa poderá vir à festa. (O pior que pode acontecer é você preparar um festa para 80 pessoas e aparecerem 50. Não tenha medo nem vergonha de pedir as confirmações! Mal educado é quem recebe o convite e não se posiciona dizendo se vai ou não.)

salada caprese verrine

UMA SEMANA ANTES

16. Compre os ingredientes de tudo o que for fazer em casa. Faça uma listinha à parte com o que você vai precisar para evitar várias idas ao supermercado.

17. Teste o som da casa e monte um play list que agrade crianças e adultos. Uma festa infantil não precisa ter necessariamente músicas do Balão Mágico ou da Xuxa. Um som ambiente agradável deixa a casa acolhedora e mais harmônica.

UM DIA ANTES

18. Caso não tenha contratado fotógrafo profissional, não se esqueça de verificar se sua máquina está com as baterias recarregadas e com os cartões limpos.

19. Se a festa for na sua casa deixe toda a decoração montada um dia antes e confira se há guardanapo de papel, papel higiênico e toalhas limpas.

20. Prepare os docinhos (caso vá fazer em casa) e coloque a bebida para gelar.

NO DIA DA FESTA

21. Busque (ou peça para entregar) o bolo, os salgados, os docinhos e as flores (caso tenha encomendado).

22. Revise a decoração e faça os ajustes finais.

23. Agora é relaxar e esperar pelos convidados! :D

Posts relacionados

Como organizar um festa infantil em casa

Receber bem: 10 dicas para você organizar um evento em casa com sucesso e sem stress

___________________

Fotos: Raul Mattar

Instagram Matraqueando Silvia Oliveira

Como organizar uma festa infantil em casa

Brunch de Pascoa Mesa 2 Silvia Oliveira Eventos Criativos 3

Dá trabalho, não vou mentir. Mas é uma delícia! Se a festa for para o seu filho, sobrinho ou afilhado, então… a empolgação não termina nunca. Tem gente que se descabela só de pensar na lista de convidados. Mas nada que um bom planejamento não resolva. Siga nosso manual prático de organização de festa infantil e realize o evento dos seus sonhos.

1. Orçamento | Defina quanto você pretende gastar. Não adianta pensar em mil coisas e efeitos especiais se a grana está curta ou se sua prioridade não é investir os tubos numa festinha de criança. De qualquer maneira, lembre-se de que não é necessário rios de dinheiro para fazer uma recepção festiva, bonita e acolhedora.

Cha de bebe Lilas e Branco Mesa Decoracao

Instagram Matraqueando Silvia Oliveira

2. Tema | Escolha o tema da festa. Caso seu filho já possa decidir sobre isso, acate o desejo dele, sempre que possível. É bom destacar que temas prontos como Princesas, Cars, Ben 10, Moranguinho,  Backyardigans, Patati Patatá, entre outros, costumam  ser mais caros — independente se você vai alugar os enfeites ou comprar tudo pronto nas casas do ramo. Se a questão for negociável com a criança, use e abuse da sua criatividade e aposte em temas atemporais como “Catavento”, “Bailarina”, “Floresta”, Fundo do Mar”, “Piquenique”,  “Circo”, etc. Querendo gastar pouco e não ter muito trabalho aposte em festas das cores, como Vermelho e Branco, Rosa e Azul ou  Laranja e Verde.

3. Lista de convidados | A ideia aqui é que você tenha em mente quantas pessoas vão à festa. Com o número de convidados nas mãos fica mais fácil você decidir quanto vai gastar com comida, bebidas e lembrancinhas.

Decoração Laranja Festa 5 anos Matraqueando Blog de Viagem 09

4. Local | Ao definir o número de convidados você consegue visualizar qual a melhor local para o evento. A recepção poderá ser no salão de festas do seu prédio ou no quintal da sua casa.

Receita Escondidinho de Bacalhau - Silvia Oliveira 01

5. Cardápio | Muito bem. Você já tem um tema, definiu os convidados, escolheu o local e sabe quanto pretende gastar. Cabe a você pensar sobre o que servir de acordo com o perfil de quem vai à festa. Você pode optar por brunch, almoço, coquetelzinho, pizzada ou até um jantar  mais elaborado. Não é preciso dizer que uma festinha só com salgadinhos tradicionais vai sair bem mais em conta do que um almoço que envolva massas e carne, por exemplo. Resta saber o que será mais apropriado para o seu bolso.

brigadeiro

6. Entretenimento | Já foi o tempo que alegria de festa infantil era só colocar “ilariê” na vitrola. Hoje, você tem várias opções de diversão para entreter as crianças. Desde alugar a célebre cama elástica  ou até contratar recreadores especializados em armar diversas brincadeiras com a gurizada.  Caso não queira gastar com isso, monte um cantinho na festa com brinquedos populares como Lego, blocos, bonecas, carrinhos, massinha, papel, giz de cera e livrinhos.

7. Lembrancinhas | Encomende com antecedência. Alguns modelos demoram para ser confeccionados. Se a lembrancinha ficar por sua conta tente inovar: fuja daqueles saquinhos cheios de doces, balas e pirulitos. Aposte  em água personalizada (veja aqui como fazer) ou em um kit escolar com livrinho para colorir.

Agua Decorada Personalizada Azul e  Marrom

8. Fotografia | Não existe nada mais sagrado do que a recordação da festa gravada em fotos (e filme, para quem ainda tem paciência de assistir depois). Eu tenho sorte porque sou mulher de fotógrafo. Mas se não quiser contratar um profissional, encarregue umas duas pessoas da família para tirar fotos do ambiente, docinhos, decoração, crianças e convidados.

Cha da Tarde Comidinhas Receber Bem Silvia Oliveira 7

Instagram Matraqueando Silvia Oliveira

No mais, envolva a criança na organização. Ela é a dona da festa. Mesmo que você resolva comprar tudo pronto, por que não fazer uma receita de brigadeiro um dia antes e colocar o pimpolho para enrolar o docinho? Ou preparar os sanduichinhos? Ou ainda chamar o marido e o filhote para ajudar a encher os balões? O bacana é mostrar para os nossos pequenos que o importante é reunir pessoas que amamos em torno de uma data feliz: o aniversário dele. E isso independe de grandes cenários ou excesso de presentes.

Leia também:

10 dicas para você organizar um evento em casa com sucesso e sem stress

Fotos: Raul Mattar e Sílvia Oliveira

Receber bem: 10 dicas para você organizar um evento em casa com sucesso e sem stress

Tem gente que tira de letra. Eu, nem sempre. Organizar uma pequena reunião familiar – com todos os detalhes essenciais – demanda tempo, criatividade e, algumas vezes, um pouco de dinheiro. Adoro receber, mas como sou mão-de-vaca-muquirana invisto em ideias inventivas para tornar qualquer almoço mais elaborado num dia de festa. Siga nosso passo a passo e saiba como aproveitar as reuniões com seus queridos mesmo quando você é a anfitriã.

1. Escolha um tema. Pode ser uma simples “Degustação de Patês” ou, mais sofisticado – e trabalhoso – “Jantar Indiano”. Se preferir escolha apenas as cores, “Festa do Preto e Branco”, por exemplo, e trabalhe a identidade visual da festa em cima disso.

2. Seja criativa no cardápio. Muitas vezes ele está associado ao tema, o que facilita um pouco as coisas. Se você vai promover uma “Noite no Boteco” já sabe que não podem faltar torresminho, mandioca frita e charque acebolado! Decida se vai fazer a comida ou comprar pronta. Em alguns casos é possível  encomendar os pratos mais elaborados e fazer o básico – salada e sobremesa – em casa.

3. Defina se o mobiliário da casa comporta a reunião. Se o número de convidados for maior que o de cadeiras pode apostar em pufes e almofadas. Em último caso, empreste de alguém ou alugue algumas cadeiras em casas especializadas em locação de materiais para festa. Não fica tão caro assim!

4. Separe as louças que serão usadas na festa. Pratos, copos, taças e talheres devem ser acomodados em algum aparador, caso o número de convidados exceda os lugares à mesa. Empilhe os pratos, coloque as taças lado a lado, deixe os talheres dentro de um vasinho colorido ou de um recipiente diferente que tenha em casa. Não se esqueça dos guardanapos de papel. Invista num que tenha uma estampa bacana. Já vai fazer a diferença!

5. Deixe as bebidas disponíveis e com fácil acesso. Se você não tiver  um garçom para ajudar é melhor reservar um lugarzinho (pode ser até a sua geladeira) onde os convidados possam se servir à vontade. Assim, você não tem que ficar se preocupando com a reposição do frisante! Vale também apostar em baldes de gelo, que comportam – entre outras coisas – latinhas/garrafinhas de refrigerante e cerveja.

6. Capriche na mesa das comidinhas. Geralmente é aqui onde eu invisto mais tempo e criatividade. Potinhos de porcelana, de alumínio, recipientes para finger food,  bowls coloridos e travessas nos mais diferentes tamanhos são alguns dos elementos que podem compor este espaço. Decore alguns petiscos com palitinhos de miçanga. Veja aqui como fazer!

7. Invista em flores naturais. Podem ser vasos de violeta, gérbera, begônia ou até arranjos mais elaborados. Se escolher a segunda opção, faça você mesma: compre flores da estação e utilize recipientes da sua cozinha. Veja algumas ideias aqui!

8. Pense no playlist. Nada mais sem graça do que festinha familiar sem música. Abra espaço para uma seleção eclética que possa agradar a todos.

9. Prepare um Kit-Toilet bonitinho: deixe sobre a pia do banheiro/lavabo uma cestinha com fio dental, enxaguante bucal, toalhinhas extras, lenços umedecidos, absorvente, band-aid, cotonete, um kit-costura, balinhas de hortelã ou chicletes tipo “Trident” e remédios contra enjoo, dor de cabeça ou má digestão. Ao lado do vaso sanitário você pode acomodar rolos de papel higiênico extras dentro de vasos de vidro altos.

10.  Ofereça uma lembrancinha no final do evento. Não, estes mimos não são coisas só de festa infantil. O agrado pode estar relacionado com o tema da festa. Se for um jantar oriental, por exemplo, você pode presentear com um origami cheio de significado ou um chinelo de palha. Potinhos de geleia ou saquinhos com biscoitos feitos pela anfitriã  agradam em cheio. Até uma garrafinha de água personalizada está valendo! O importante é agradecer a presença e dizer o quanto seu convidado é importante para você!

Fotos: Raul Mattar e Sílvia Oliveira